segunda-feira, 14 de julho de 2014

Sonhei que era uma estrela

Um dia sonhei que a vida
me tinha pregado uma partida.
Nasci diferente, não era gente,
nem coisa mais parecida.

Minhas belas feições
tinham tons dourados.
E meus aveludados lábios
eram bem encarnados.

Era um ser luminoso
que pairava no ar
Era uma linda estrela
que olhava para o mar.

Apaixonei-me por aquele mar azul
que reflectia o imenso céu.
Mas sabia de antemão
que ele não era como eu.

Triste fiquei, mas aceitei
a minha triste sina.
Foi quando acordei
e ansiei, voltar a ser pequenina.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

Sem comentários: