Sigam o meu blogue! Tenho sempre novidades!

Traduza para o seu idioma

sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Nós conseguimos!

Quando temos um sonho
sonhamos em qualquer lugar.
Mesmo que o tempo demore.
Nada nos impede de sonhar.

E quando acreditamos
conseguimos concretizar
porque quando a alma é grande
tudo consegue realizar.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Não estamos sós!

Lá fora o vento não se cala
E a chuva dança com ele.
A terra parece que abala
Quando alguém dança e fala.

Lá fora há histórias por revelar
E outras mídias por contar.
Enquanto a chuva chora,
Enquanto o vento prefere calar.

Lá fora o mar também ruge
Não esconde a sua voz.
E nós? Por que nos calamos?
Saibamos que não estamos sós!

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.


quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

São nossos e precisam de nós!

Hoje levantei-me cedo. Queria aproveitar o dia ao máximo e assim fiz. Estava frio e uma chuva infernal mas segui o meu coração. Após passar na Sede da empresa onde trabalho, fiz questão de visitar as pessoas mais importantes da minha vida. Eles trouxeram-se ao mundo e chamam-se Pais.
Os meus não são muito diferentes de todos os outros, mas são meus e é isso que importa. 

Sinto que o tempo é ingrato. Não o tempo atmosférico, mas o tempo cronológico. Aquele tempo que nos obriga a olhar para o espelho e a estremecer com o reflexo por saber que já passou mais um ano. Tempo! É isso que mais me incomoda nesta vida. A falta de tempo para estar com aqueles que amamos. A distância que por vezes nos obriga a ficar num sufoco de saudade, ao mesmo tempo que a alegria de os ver é ainda maior.

Sim, sinto-me um pouco melancólica. Não sei se são os 30 anos, se apenas uma fase que vai passar. Sinto que ainda faço pouco em relação àquilo que gostaria de fazer. Enfim... quem seria eu se não me preocupasse com aqueles que me deram a vida?

Depois de sair fiquei a pensar por uns momentos e fiquei assim. Quero muito que 2016 seja um ano de trabalho, mas também de tempo para estar com aqueles que amo.

Hoje, também tive a oportunidade de rever a minha grande amiga Marta. Que grandes que estão os meninos dela! E são uns simpáticos! Gostei sinceramente da nossa conversa e espero conseguir planear algo ainda este ano.

A vida, não é só trabalho. A vida é para ser vivida em toda a sua plenitude. E isso passa por estar com a família, com os amigos e por fazer coisas de que gostamos. 





terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Homenagem a Ricardo Carriço

Mais um membro entrou na família.
Mais um elemento por desvendar.
Vai ser uma enorme alegria
com ele poder trabalhar.

Quem ainda não percebeu
é porque não acompanha o meu passo.
Pois além de poesia,
o que mais eu faço?

Faço parte de uma família
que me acolheu com carinho.
Uma empresa minha
onde faço o meu caminho.

Ganho conforme o que construo.
Ganho conforme o que faço.
Trabalho todos os dias
para que a vida não seja um laço.

O mais novo membro
chama-se Ricardo Carriço.
Para connosco
tem um compromisso:

Levar o nome da marca
o mais longe que puder.
Para que mais pessoas
dos seus sonhos, possam viver!

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

Passeio em família

A história que eu quero contar
passou-se há muitos e muitos anos,
quando ainda era possível brincar
com os meus manos.

Certo dia ao levantar,
minha irmã colocou música.
Comecei logo a dançar
ao ritmo da hipotenusa.

Meu irmão veio espreitar
e aproveitou também.
Logo depois veio a minha mãe,
mandar arrumar tudo.

Contrafeitos,
paramos a brincadeira.
Que pena! Tinha dado uma trabalheira...

Meu pai então, ajudou
e outra ideia nos deu.
Que tal um piquenique?
Ena, mas que chique!
Pegamos então nas sandes
que a mãe nos deu.

O motor da carripana,
iniciou o seu roncar.
- Mano, Mana, ouviram o pai chamar?!
 E naquela aventura pusemos-nos os 4 a andar.
 - 5!- disse a mãe - Pouco depois de no carro entrar.

Cantarolando pelo caminho,
fomos dar a um moinho.
Naquela altura, ainda lá se fazia pão.
Era bom! O pai tinha razão!

Perto de um lugar chamado Mafra,
percorremos caminhos nas serras.
Subimos ladeiras às cegas
e brincamos nas adegas.

As três crianças que éramos,
deixaram saudades aos pais.
E a mim também.
Há coisas que não se esquecem.

A família é uma delas.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

Projectos para 2016


domingo, 3 de janeiro de 2016

Sobre o The Voice



Queridos leitores e amigos da Rainha, hoje estive a ver o programa The Voice Portugal e confesso que fiquei um pouco desiludida com as votações. 

Era suposto a música Portuguesa ser a Rainha do programa, no entanto não foi a escolhida. 

Quero dar os parabéns à Joana Melo que arriscou sempre que pôde cantar em Português. Foi pena ter sido excluída. 

Vou continuar certamente a acompanhar o seu trabalho, principalmente nas casas de fado em Lisboa.

Aproveito para deixar aqui o programa da " Mascote da Atalaia".


Arquivo do blogue