Sigam o meu blogue! Tenho sempre novidades!

Traduza para o seu idioma

sábado, 23 de julho de 2016

Enquanto os outros dormem

Enquanto os outros dormem
eu dedico tempo aos sonhos.
Escrevo pela noite fora
até a mão me doer.
A alma, de paz, fica cheia.
O difícil é adormecer.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

sexta-feira, 22 de julho de 2016

Hoje foi dia de compras!


Hoje foi assim, depois de estar toda a manhã a trabalhar no BackOffice, fui fazer umas comprinhas à Sede da LR.

Como podem ver abaixo numa das imagens, comprei algumas coisas que já estava a precisar de comprar, tais como o champô, as toalhitas de limpeza, o pó mineral solto e aproveitei, comprei um miminho para mim: o perfume Hawai, que está em promoção e que tem um cheirinho a Verão.

  • Champô 5,50€  *
  • Toalhitas 3,50€ *
  • Pó Mineral solto 18,90€
  • Perfume Hawai 10,90€ *
* Os produtos com o asterisco estão em promoção até dia 24/06/2016

De passagem acabei por entrar no Strada Shoping e não resisti a estas sandálias. São bonitas, práticas, confortáveis e a um preço acessível.
  • Sandálias Foreva 13,93€

Que tal? Fiz boas compras? ;)

O Objectivo da Rainha

Queridos leitores e amigos da Rainha. Este espaço é para todos aqueles que gostam de estar informados sobre os mais diversos Eventos Culturais, para quem gosta de poesia, para quem acompanha a minha escrita e para pessoas de todas as idades que procurem algo verdadeiramente original. A Rainha deseja ser uma referência nesta área.

Será da Lua?

Algo cá dentro me impele a escrever.
Estou inquieta, não da para entender.
Ouço o silêncio que vem da rua.
Será da lua?

Tenho mil ideias na minha cabeça.
Já fazem ninho por tanto pensar.
Tenho de escreve-las depressa.
Será da Lua?

Não consigo parar de escrever.
As palavras teimam em surgir.
Nem tempo tenho de reflectir.
Será da Lua?

No papel as ideias dançam.
Brincam de esconde-esconde.
Pergunto de forma pertinente:
Será da lua?

Da lua será portanto.
Hoje está cheia e bela.
Acho que estou assim
por causa dela.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

O Pokemon e as Estrelas

Encontrei um Pokémon
debaixo da minha cama.
Por momentos assustei-me
pensei que era uma aranha.

Pelo tamanho estranhei,
mas depois percebi
que se tratava de um ser
um pouco maior.
Aranha não podia ser.

Pensei que me mordia
por isso olhei a medo.
Aproximei-me devagar
e vou contar-te um segredo.

De um salto, tentei agarra-lo.
Mas o maroto fugiu.
Sabem onde fui encontra-lo?
Dentro do meu sapato.
E para o tirar de lá?
Foi cá um aparato!

Tive de chamar a polícia
e os bombeiros também.
E nem a ferros quis sair.
Tive de ir chamar a minha mãe.

Pouco tempo depois, tinha desaparecido.
Todos nós nos questionamos para onde tinha ido.
Fomos encontra-lo a ver as estrelas.
Também nós, paramos para vê-las.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

quinta-feira, 21 de julho de 2016

Mundo de aparência

Podemos fingir ser pássaro,
ser água, ser sol, ser vento.
Podemos fingir ser vida, ser morte,
ser alma, ser peixe, ser mote.

Podemos fingir ser lua,
estrela, papel, caneta, cometa.
Podemos fingir ser cão, gato...
coelho, serpente, até gameta.

Podemos fingir ser árvore,
ser mágoa, ser uva, ser curva.
Podemos fingir ser cama, lama,
ser lume, ser medo, ser chama.

Podemos fingir ser máquina,
ser monte, ser serra, ser sonho.
Podemos fingir ser livro, livrete,
ser folha, ser livre ou sabonete.

Podemos fingir o que quisermos
neste mundo de aparência.
Mas jamais podemos esconder
a nossa verdadeira essência!

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

Insónia bombástica

Queridos leitores, esta noite uma valente insónia apoderou-se de mim e não mais me largou. Não sei se por mim se apaixonou, mas não fiz nada para que isso acontecesse. Quero dizer, provavelmente até fiz...hum, deixa-me recapitular: Fui à formação de Saúde e Nutrição e depois vim para casa. Ah! Já sei! Foi o chá, o café, o sumo de laranja e o Mind Master, um produto energético dedicado ao Stress e à performance física. Tenho por hábito tomar café 1 vez por dia, às vezes 2. Ontem foram 2 cafés um sumo de laranja e o chá de Cistus Incanus que tomei na Sede da Empresa. O chá é muito bom mas não deve ser tomado à noite. O mesmo devo dizer do Mind Master que deve ser tomado de manhã pela mesma razão do café. Mas como eu faço muita coisa ao contrário... misturei tudo. Ai que bomba! Agora é que não vou dormir. Já são 4h manhã, o despertador toca daqui a 3. Entretanto o que faço? Escrevo, pois claro!

Vazia

Sinto-me vazia por dentro
qual folha de papel em branco.
As lágrimas teimam em esfumar-se
num soluço que não consigo conter.

Os sonhos que ainda tenho
é que alimentam o meu pensamento.
Tornam menos dura a realidade
daquilo que vivo e aparento.

Não há vidas perfeitas.
Mas há palavras que ferem.
Lanças afiadas que nos conferem
a vontade de fugir do mundo.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

quarta-feira, 20 de julho de 2016

Queres ganhar bilhetes para o Sol da Caparica?


Queridos leitores e amigos, em momentos de crise é sempre bom estarmos atentos a programas gratuitos. De norte a sul do País, são muitos os Eventos e Festivais de Verão. Uns são gratuitos, outros não. Mas em alguns deles tens oportunidade de obter descontos. Um deles é o Festival: Sol da Caparica.

Queres saber como? Clica Aqui para saber mais, e boa sorte! :)

segunda-feira, 18 de julho de 2016

Os Astros

Gosto de escutar o silêncio.
De ouvir o que tem a dizer.
São momentos de loucura
São momentos de prazer.

Gosto de ver a luz dos Astros
numa dança sem fim.
Parecem felizes, triunfantes
Parecem diamantes a brilhar.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

Uma opinião apenas

Queridos leitores e amigos da Rainha, hoje constatei um facto que quero partilhar com todos vocês e que me tira um pouco do sério.

É apenas uma opinião e vale o que vale, mas o que vocês acham sobre o "Patriotismo Excessivo" nas redes sociais? Calma! Eu sei que não é excessivo. Estamos de parabéns! Ganhamos em variadíssimas modalidades desportivas. E cada vez que vejo mais uma ligação acerca disso, tenho vindo a partilhar com mais frequência.

Eu não sou contra o patriotismo, aliás eu também me considero patriota. O que não entendo é os comentários depreciativos que se fazem à volta disso.

Hoje tinha partilhado numa determinada rede social uma ligação que dizia que o Nelson Évora tinha ganho a medalha de ouro. Claro que eu li a notícia. Sabia muito bem que não era de agora, até porque tenho acompanhado outras modalidades além do futebol. No entanto, decidi partilha-la. Porquê? Pelo enorme orgulho que sinto por ser Portuguesa e porque sei que por vezes nos desvalorizamos.

Por causa deste gesto, que considero normal, vejo vários comentários que me decepcionaram. Dizem "eles" que a notícia não é de agora. Dizem eles que já não se aguenta tanto patriotismo, dizem eles que não tem importância termos ganho ou não, que não é preciso dar tanto destaque. Eu pergunto: Porque gostam certas pessoas de deitar abaixo outras pessoas? E mais interessante é que não me conhecem de lado nenhum, nem temos sequer amigos em comum. Eu penso que a azia tenha a ver com o facto de não ganharem nada na vida. Depois vêm para as redes sociais soprar as suas frustrações.

Haja paciência!...

Cinco dicas para começar a escrever

Já alguma vez pensou em começar a escrever? Não é tarefa fácil. Mas existem algumas coisas que facilitam a criação literária. A Rainha, tem algumas dicas!


1- Não se preocupe com o título.

Por vezes começamos com uma ideia muito boa, mas ficamos presos ao título. O Título de um artigo ou de um livro deve expressar de forma clara, o assunto abordado. Quando escolhemos o Título primeiro, pode acontecer querermos muda-lo depois. Quanto mais criativa for a nossa escrita, mais ideias surgem na nossa cabeça, fazendo-nos mudar muita coisa ao longo do texto, inclusive o título.

2- Tenha um Dicionário à mão.

Eu ainda sou apologista dos Dicionários, aqueles livrinhos cujo conteúdo expressa o significado das palavras. Além de nos ajudarem a encontrar sinónimos que nos facilitam a vida, também nos ajudam a perceber se deixamos escapar pequenos erros.

3- Leia muito.

Quer ter mais ideias? Então leia muitos livros de diferentes géneros Literários. Existem no mercado, livros para todas as idades.

4- Converse com pessoas.

As pessoas, no geral, contam historias. Mesmo sem nos apercebermos, toda gente o faz inconscientemente ou até de forma consciente. Podemos utilizar algumas histórias e ideias que ouvimos alguém contar. É um óptimo exercício!

5- Inspire-se.

Antes de escrever, ouça música, coma uma peça de fruta ou a sua sobremesa favorita, veja o pôr-do-sol, a lua, as estrelas... crie um ambiente criativo. Escreva com o coração.

Poesia no Clube Recreativo Charnequense

Queridos leitores e amigos da Rainha, no passado Sábado, tive a honra de participar num Evento Cultural a convite do meu grande amigo, actor, poeta e escritor Fernando Marinho.

Participei com dois poemas. Um sobre estados de alma que qualquer poeta pode ter e outro sobre os meus pais numa discreta homenagem.

Reconheci prontamente algumas pessoas que já estiveram comigo em outros Eventos do mesmo género e conheci outras que tal como eu amam tudo o que é relacionado com temas culturais.

Abaixo deixo algumas imagens dos bons momentos passados em palco.






Arquivo do blogue