Traduza para o seu idioma

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Que venha 2013!

Este ano está a terminar
outro ano há-de vir
para me fazer sonhar
para me fazer sorrir.

Que bons ventos tragam
boas notícias para todos,
que levem todos os engodos
e as coisas que amargam.

Que venha 2013
com muitas novidades
e que afaste de mim
todas as maldades.

Que venha o novo ano
para me fazer sonhar
para me fazer sorrir
e cada vez mais te amar.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

2 comentários:

Carlos Cordoeiro disse...

Gosto do teu poema "Que venha 2013!",passo a explicar porquê.
Tu começas logo por romper com o mito de que o mundo acaba em 2012 quando dizes, "Este ano está a terminar/outro ano há-de ir", verifica-se o lado poético e sonhador uma vez que tu dizes "para me fazer sonhar/para me fazer sorrir" normalmente muitos poemas nacionais e internacionais têm muito esta relação do sonho e sorriso.
Tens uma ideia de pátria, nacionalidade no sentido que dizes que o vento traga boas noticias para todos, neste aspecto faz lembrar o mito do Sebastianismo que acredita-se que D.Sebastião irá salvar Portugal.
Gosto deste poema porque queres um novo caminho, uma nova esperança, uma nova luz.

Ass: Carlos Cordoeiro.

Jovita Capitão disse...

Fiquei maravilhada com o teu comentário e sabes por quê? Pela tua sinceridade. É muito bom quando as pessoas entendem o que nós, os escritores,queremos transmitir.

Arquivo do blogue