Traduza para o seu idioma

domingo, 23 de dezembro de 2012

Para que serve o Natal?

Bom dia caros leitores. Visto nos encontrarmos numa época chamada Natal achei por bem falar hoje sobre isso. O Natal começou por ser inicialmente uma festa pagã. Mais tarde, esta festa em honra do sol foi introduzida no cristianismo. Segundo muitos, o Natal é a festa do nascimento de Cristo. Será mesmo? Pense no seguinte. A bíblia diz que quando Jesus nasceu, os rebanhos pastavam nos campos. Como é que é possível que em pleno mês de Dezembro os animais estivessem na rua? Não é possível. Existem factos históricos que comprovam que Jesus nasceu em Belém meses antes de começar o Inverno. Então, se assim é para que serve o Natal? Boa pergunta. Mas eu não estou aqui para desafiar as suas crenças. Apenas quero que raciocine comigo.

Numa tentativa de perceber para que serve o natal  fiz uma pequena pesquisa e finalmente percebi. Quem é que normalmente acredita no Pai Natal? Apenas as crianças gostam de acreditar que esse senhor barrigudo e bonacheirão existe mesmo. Faz parte de ser criança prolongar o sonho mesmo sabendo que esse personagem é inventado. E isso não acontece apenas com as crianças. Nós, os adultos também gostamos de sonhar. E quando o sonho faz parte de uma tradição que passa de geração em geração, decidimos prolongar o momento porque nos sentimos bem com a ideia de fantasia uma vez por ano. 

Assim sendo, o espírito de natal envolve-nos numa nuvem de sentimentos de paz, amor, compreensão, solidariedade, abnegação, alegria, o sentido da família toda reunida. Será que importa assim tanto saber se a história é verdeira? Cabe a cada um de nós decidir em que acreditar. Cabe a cada um de nós decidir a melhor forma de encarar a vida. Desde que este dia seja aproveitado como momento de reflexão e de renovação interior, é isso que importa. Pelo menos para mim.

Desejo a todos os leitores, crentes ou não, um feliz dia de Natal. 

Cumprimentos, 
Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

Sem comentários:

Arquivo do blogue