Traduza para o seu idioma

terça-feira, 8 de julho de 2014

Da lua, meu olhar não esquece!

Fechei os olhos e tentei dormir
mas o sono não apareceu,
sorri ao ver que para mim
não existe sono como o meu.

Prefiro sonhar acordada
enquanto caminho pela estrada.
Anseio dormir tranquila
mas por vezes fico perdida.

Enquanto não me encontro
o sono não aparece.
Então, olho as estrelas à noite.
E da lua, meu olhar não esquece.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

Sem comentários:

Arquivo do blogue