Traduza para o seu idioma

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Eu não desisto

De luto me visto
De luto eu existo
mas não desisto

Na dor eu insisto
de choro me visto
mas eu não desisto

Pois há esperança
enquanto há vida.

Que venha um novo amanhecer,
um novo entardecer,
um novo anoitecer.

Eu vou estar aqui
podem crer.
Para o que der e vier.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

Sem comentários:

Arquivo do blogue