Traduza para o seu idioma

domingo, 31 de março de 2013

Espera pelas borboletas

Espera pelas borboletas.
Espera pacientemente!
Espera, não te precipites.
Acalma pois, a tua mente.

Tantas vezes corri eu
atrás de meras lagartas
bichos rastejantes nas matas
acorri pensando eu
que seriam elas o meu mundo.

Porém, descobri a custo
que não vale a pena correr.
Basta esperar que o tempo
traga todo o sentimento
que ajude a não esmorecer
e que me dê a esperança de vencer.

Se eu estiver bem quieta,
bem calma e serena
depressa as borboletas
poisam no meu regaço,
traçando a meta,
que devo ir a encalço.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

Sem comentários:

Arquivo do blogue