Traduza para o seu idioma

segunda-feira, 13 de março de 2017

Venteja lá fora.

Venteja lá fora.
Toda a gente dorme menos eu.
Os pensamentos vagueiam na minha cabeça.
Vêm uns e desaparecem outros sem que eu peça.

Venteja lá fora.
Rodopiam as folhas das árvores, cansadas por causa do peso dos ninhos.
Onde os passarinhos já dormem com os seus filhinhos.

Venteja lá fora.
E também, dentro da minha cabeça, venteja.
Qualquer que seja o pensamento, lá está o vento
a espalhar as ideias, enquanto festeja num contentamento.

Venteja lá fora.
E o vento envolve-se numa dança radical.
Tanto, mas tanto, que quase parece um vendaval.

Venteja lá fora.
E eu pergunto-me se vou conseguir dormir esta noite.
Se não conseguir descansar, ao menos tentarei decifrar
o sabor das conversas que o vento me traz.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

Sem comentários:

Arquivo do blogue