Traduza para o seu idioma

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Treze - de Vasco Vilhena


Quando conheci o Vasco, desconhecia todo o potencial que Este aspira. De uma forma banal tornou-se meu colega de trabalho e ofereceu-me um CD. Confesso que no início não liguei muito, mas um dia decidi que ia ouvi-lo. Ao princípio não gostei. As músicas são alternativas demais para mim, que sou fã incondicional dos clássicos. No entanto, fui convivendo com esta alma humilde, alegre, sonhador e apercebi-me que valia a pena dar mais atenção ao CD que tinha nas minhas mãos.

Certa noite de insónia, queria escrever alguma coisa, mas não estava a conseguir. Primeiro decidi ligar o rádio. Como não resultou, fui buscar o CD do Vasco. Ao ouvir, senti a música de uma forma bem diferente daquela que inicialmente tinha escutado. O que me inspirou a escrever algumas coisas bem interessantes! 

Hoje, decidi escrever sobre isto. Treze, é o CD que o vento trouxe até mim. Treze, é uma caixa de surpresas. Treze, é um misto de sentimentos. Treze é um CD que nos faz pensar no amor.Tenho várias músicas preferidas, mas uma delas é a "Pradaria de Alfazemas". Também gosto do tema: "Bloco de notas" devido à sua irreverência.

Já não consigo dissociar o CD do próprio músico. Vasco Vilhena é um fenómeno da música alternativa e está em constante crescimento a nível profissional e pessoal.

Convido todos a procurar o trabalho deste artista no respectivo site ou nas redes-sociais. Deixo aqui em baixo os links para o efeito.



Sem comentários:

Arquivo do blogue