Traduza para o seu idioma

sábado, 15 de junho de 2013

Quais as características de um bom texto narrativo?

Para escrever um pequeno texto generalista é necessário ter um rumo. É preciso ter em mente o assunto primordial para não nos perdermos nos detalhes. Assim, é necessário criar um plano. Independentemente do assunto em questão, todo o texto tem de ter a chamada: introdução, o desenvolvimento e a conclusão. Se o nosso texto tiver esta estrutura será muito mais fácil a transmissão da ideia. Ao escrever este texto lembrei-me de algo que muitos de nós, Escritores, esquecemos. O planeamento. É necessário ter sempre um objectivo final. Qual o objectivo final deste texto? Bem, o objectivo é a questão estrutural do mesmo.

Agora que já identificamos o pequeno texto introdutivo, passemos então ao segundo passo: O desenvolvimento. No desenvolvimento da ideia é necessário termos em conta as características. Quais as características de um bom texto narrativo? Em primeiro lugar, o Autor deve ter ideias claras sobre o assunto em questão. Em segundo lugar, deve estar apto para escrever sobre o assunto. Em terceiro lugar, deve estar suficientemente confiante para que o texto flua na perfeição. E em último lugar, deve ter o mínimo de interesse por aquilo que escreve. E porquê? Porque um bom leitor apercebe-se sempre se o Autor sabe do que está a falar ou não. É por isso que existem autores com qualidade diferenciada e Autores quase desconhecidos de tão enfadonhos que são. É claro que nem sempre é assim. Pois, existem muito bons Escritores pouco conhecidos que não têm o merecido reconhecimento por falta de visibilidade no mercado literário. A falta de verba também é um indicador de enfraquecimento literário, visto que muitos autores ficam perdidos no tempo por não conseguirem publicar. Mas este, é um outro assunto interessante para falarmos em outro post. O importante hoje, é apenas identificar o rumo para a criação de um bom texto literário.

Concluindo, quais os três passos principais para um bom texto narrativo? Como o leitor já deve ter compreendido, para uma boa estrutura textual serve-nos a introdução, o desenvolvimento e a conclusão.

Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

Sem comentários:

Arquivo do blogue