Traduza para o seu idioma

domingo, 8 de novembro de 2015

Gaivotas



Pela liberdade voavam as Gaivotas.
Em círculos sobrevoavam o oceano.
Deslumbrada, parei na estrada.
Fiquei a vê-las triunfando.



Quando perto se aproximaram
tentei fotografa-las.
Não foi fácil tal engenho.
Elas não param de voar.


Os meus olhos deslumbrados,
fitaram uma Gaivota solitária.
Parecia contente por voar.
Continuei pois, a observar.


Jovita Capitão, Rainha das Insónias.

Sem comentários:

Arquivo do blogue